Vitamina D deve ser ingerida pelas mães que amamentam, diz estudo

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

Pesquisa concluiu que a vitamina D passa para o leite materno e protege o bebê

Uma pesquisa feita pela Universidade de Otago, na Nova Zelândia, descobriu que oferecer vitamina D para as mães que amamentam é uma ótima maneira de melhorar a quantidade de vitamina D no organismo dos bebês.

A vitamina D é essencial para garantir a boa saúde dos ossos e dentes, algo essencial para os bebês que estão em pleno desenvolvimento.

Cadastre-se

A vitamina D costuma ser obtida por meio da exposição ao sol, mas como os bebês precisam de grandes quantidades desses nutrientes, muitas vezes o sol não é o suficiente e a suplementação se faz necessária. Geralmente, é orientado que os pais ofereçam a vitamina D como suplemento para bebês de 7 dias a dois anos. Porém, nem sempre essa orientação é seguida pelos pais ou a orientação sequer chega a ser dada pelo pediatra. “Queremos saber se oferecer suplementos de vitamina D para as mães que amamentam pode ser uma estratégia mais eficaz para garantir que o bebê tenha boas quantidades desse nutriente”, explica o coautor do estudo Ben Wheeler.

A pesquisa contou com a participação de 90 mães que amamentaram seus bebês exclusivamente até os seis meses de vida. E durante o estudo, os pesquisadores observaram que entre as mães que ingeriram suplemento de vitamina D, apenas um bebê apresentou baixas quantidades de vitamina D em seu organismo, o restante manteve bons níveis do nutriente. O pesquisador Bem Wheeler afirma que esta descoberta é muito importante nos dias atuais, pois o número de bebês com deficiência de vitamina D está aumentando.

Por isso, converse com o seu médico sobre a possibilidade de ingerir suplementos de vitamina D.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários