Mostrar objetos revela como a linguagem do bebê vai se desenvolver

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

De acordo com pesquisa da Universidade de Manchester, mostrar objetos é um marco essencial no desenvolvimento da linguagem

Mostrar objetos: um gesto que todo bebê faz, mas que a maioria dos pais não dá muita atenção. Mas agora, uma pesquisa da Universidade de Manchester, Reino Unido, quer que os pais passem a dar mais atenção a este gesto.

Isto porque os pesquisadores descobriram que por trás deste gesto há um grande esforço de comunicação por parte do bebê. Mostrar objetos e compartilhar objetos faz parte de um comportamento chamado “dividindo a atenção”. Os seres humanos são os únicos que se comunicam dividindo sua atenção com outros. Este comportamento envolve dividir sua atenção com outro individuo ao mostrar um objeto para ele. A maneira como esse comportamento se desenvolve é essencial para entender o aprendizado da linguagem entre os seres humanos.

Cadastre-se

Isto é tão importante que os pesquisadores notaram que bebês que mostram objetos e são devidamente estimulados pelos pais quando fazem isso vão começar a apontar para coisas antes e provavelmente terão um melhor desenvolvimento da linguagem.

Por isso, os pesquisadores ressaltam que quando um bebê mostra um objeto para os pais ou cuidadores é importante que eles demonstrem interesse neste objeto, que falem com o bebê a respeito do objeto e que procurem tentar entender porque o pequeno está mostrando aquele determinado objeto. Essas atitudes simples são essenciais para o bom desenvolvimento da linguagem.

A pesquisa foi feita com 24 bebês com 10 meses de vida. “Nossa descoberta oferece informações interessantes tanto para os pais quanto para a ciência no processo de identificar as primeiras tentativas do bebê de se comunicar sobre objetos com seus pais ou cuidadores. Este estudo também destaca a importância de pesquisarmos mais sobre estes comportamentos que ocorrem antes do bebê começar a falar”, explica a professora Elena Lieven, Diretora do Centro Internacional para Desenvolvimento da Língua e Comunicação da Universidade de Manchester.

Veja outras dicas de como estimular seu bebê a falar aqui.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários