Febre no bebê ou criança: saiba o que fazer

Por: Bruna Romanini

febre criança bebê

Foto: Getty Images

Veja quando ela é considerada alta, como baixar e o momento de procurar o pediatra


A febre no bebê ou criança normalmente ocorre por alterações inflamatórias e infecção em geral, sejam elas bacterianas ou virais. Os pais precisam ficar atentos a partir de 37,5°C. “Para medir a temperatura, normalmente, mede-se com termômetro em região axilar por mais ou menos dois ou três minutos”, orienta a pediatra Denise Bedoni, do Hospital Leforte.

Como baixar

Cadastre-se

Caso a temperatura do bebê ou criança esteja maior ou igual a 37,5°C algumas atitudes precisam ser tomadas. “Deve-se medicar com antitérmicos da família da Dipirona, Ibuprofeno ou Paracetamol e associar a roupas leves e banhos. Saliento a importância de medicar logo no início para se evitar convulsão febril que surge na subida da febre”, conta Bedoni.

Febre alta

A febre do bebê ou criança é considerada alta acima de 38,5° ou 39°C. “Neste caso é importante fazer o uso imediato do antitérmico e associar a banho para diminuir rapidamente a temperatura”, explica Bedoni.

Quando vai baixar

É importante continuar medindo a temperatura do pequeno e observar se ela diminui gradualmente. “Nas febres mais altas, além de associar o banho, meça a temperatura a cada 20 ou 30 minutos e é preciso sinais de redução”, diz Bedoni.

Caso a febre não baixe após uma ou duas horas de antitérmico outras atitudes podem ser tomadas. “Se não há sinais de queda da temperatura, podemos alternar com outra família de antitérmicos e proceder o mesmo controle”, afirma Bedoni.

Quando ir no pediatra

Os pais precisam levar o filho para o pediatra quando mesmo após 24 horas tentando controlar a febre por meio das alternativas mencionadas ela persistir ou mostrar sinal de aumento.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários