Carrinho de bebê de frente ou de costas: veja qual é melhor

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

Bebês que ficam de frente para os pais no carrinho têm a fala mais estimulada

Uma pesquisa feita pela Universidade de Dundee, na Escócia, com mais 2.700 famílias descobriu que a posição em que o bebê fica no carrinho pode estimular o pequeno a falar.

Isto porque os pesquisadores descobriram que quando os bebês estão de costas para quem está empurrando o carrinho as chances dessa pessoa conversar com o bebê são menores. Outro estudo reforçou esta descoberta. A pesquisa, feita com 20 mães e seus bebês, notou que quando o bebê está de frente para a mãe no carrinho, ou seja olhando para ela, as mães costumam falar duas vezes mais com seus bebês. E os bebês também riram mais.

Cadastre-se

Conversar mais com o bebê é importante porque esta é a principal maneira pela qual o pequeno aprende a falar. Assim, quanto mais os pais ou outros cuidadores falam com o bebê, mais estímulos para falar o pequeno recebe.

Além disso, os pesquisadores ressaltam que quando a criança está de costas para os pais, eles acabam não observando o que está chamando a atenção do pequeno, assim, as chances de interação diminuem.

Porém, saiba que se seu bebê fica virado de costas para você no carrinho, não é preciso se desesperar. Os autores dos estudos, ressaltam que a principal mensagem destas pesquisas é: converse com seu bebê. Então, mesmo que seu bebê esteja de costas para você no carrinho, não deixe de conversar com ele. É assim que você irá estimular a fala do seu pequeno.

Veja outras maneiras de estimular a fala do bebê aqui.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários