Como e quando surge o amor do bebê pela mamãe e o papai

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

A seguir, saiba tudo sobre o amor do bebê pelo papai e pela mamãe, quando começa, como é e mais

Muitas vezes o amor do pai e da mãe pelo bebê surge antes mesmo da gestação, só de pensar naquele bebezinho tão desejado o amor já vem! Mas e no caso do bebê? Quando será que ele começa a amar a mãe e o pai e como isso acontece?

O fato é que o bebê é sensível ao carinho dos pais desde a barriga. O toque e as palavras de amor que a mãe e o pai dirigem à barriga são sentidos pelos pequenos. Após o nascimento, os recém-nascidos também já são sensíveis ao amor e afeição dos pais. De modo que dar colinho, sorrir, cantar, alimentar, trocar fraldas, essas atividades que fazem parte da rotina do bebê e dos pais podem ser um aprendizado para o bebê sobre o amor quando feitos com carinho, é claro.

Cadastre-se

É fato que cuidar de um filho não são só flores, existem momentos difíceis, em que o bebê chora incondicionalmente ou não quer saber de dormir ou está sofrendo com cólicas e até tudo isso junto e misturado! E muitos pais podem ficar com a dúvida:  será que em momentos assim o bebê pode passar a amar menos os pais?! A resposta é não! Momentos assim fazem parte da criação de um filho e não vão afetar o amor deles em relação aos pais.

O aprendizado do amor

Como o bebê aprende a amar sendo amado, é importante que os pais se dediquem a demonstrar para ele o quão amado ele é. Isto é muito simples. Algumas atitudes contribuem muito para isso. Uma delas é: quando estiver com seu pequeno, esteja por inteiro. Os bebês sentem quando os pais estão com eles, mas prestam atenção em outras coisas.

Também é importante tentar entender a maneira como seu bebê se comunica, analisar cada sinal e compreender o que está por trás destes gestos. Outro ponto essencial é buscar se divertir junto com o seu bebê, procure fazer brincadeiras que entretenham os dois, como a clássica “Cadê o bebê? Achou!”, entre outras.

Demonstração do amor pelo bebê

Apesar de amar os pais praticamente desde o nascimento, até os oito meses de vida o bebê demonstra seu amor de uma maneira mais sutil. Algumas dessas demonstrações podem ser olhar para os pais e sorrir e chorar quando deixa o colo dos pais para ir com outras pessoas. Veja outros sinais que o bebê dá de que te ama aqui.

Fonte consultada:

Scientific American

Boston Children Museum

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários