Entenda a terrível crise dos dois anos

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

A crise dos dois anos também é conhecida como a adolescência do bebê

A crise dos dois anos, também conhecida como a adolescência do bebê ou os terrible twos – terríveis dois anos em inglês-, é uma fase em que a criança tem dificuldades em aceitar as negativas dos pais. Assim, o pequeno age de maneira oposta ao que é solicitado por eles. “Trata-se de uma etapa normal do desenvolvimento. Após um período em que ela vem amadurecendo várias funções, como a marcha e desenvolvimento da linguagem, a criança passa a ter maior entendimento do ambiente em torno dela”, observa o pediatra Ricardo Halpern, presidente do Departamento Científico de Pediatria do Comportamento e Desenvolvimento da Sociedade Brasileira de Pediatria.

Após ter maior conhecimento sobre o ambiente a sua volta, a criança passa a observar as reações do mundo e das pessoas ao seu redor. “O desejo por coisas vem como uma vontade absoluta e quando o pequeno se confronta com negativas dos pais, ele se frustra e ainda não tem os mecanismos adequados para lidar com essa frustração”, explica Halpern. As consequências desta frustração envolvem a criança dizer não para tudo, resistir a seguir qualquer orientação e ter ataques de birra quando seus desejos não são atendidos.

Cadastre-se

É importante ressaltar que os pais não podem ceder a todos os desejos da criança, pois isto resultaria em sérios problemas comportamentais no futuro. Por isso, saiba como lidar com as birras da crise de dois anos, nesta outra reportagem do portal BebêMamãe.com.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários