Pesquisa aponta 5 atitudes dos pais influenciam o quanto o bebê vai crescer

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

A alimentação e saúde do bebê e até mesmo o ambiente familiar influenciam no quanto seu bebê vai crescer

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Tel Aviv, Israel, e publicado na revista científica Pediatrics descobriu o ambiente em que o bebê vive é responsável por 50% do crescimento dele.

Apenas 50% do crescimento é atribuído à genética. Ou seja, os cuidados que os pais têm durante a gestação e primeiros anos de vida são essenciais para determinar o quanto o bebê irá crescer. “Após a revolução genética, atualmente é comum atribuir nossas conquistas pessoais aos nossos genes. E de fato, uma parte de nossas condições podem ser atribuídas à genética, mas como nossa pesquisa mostrou, o ambiente também possui um papel fundamental para determinar o crescimento”, observa o pesquisador Ze’ev Hochberg, autor do estudo.

Cadastre-se

A pesquisa contou com a participação de 374 pessoas, sendo que 162 eram gêmeos idênticos, 106 gêmeos bivitelinos e 106 não tinham gêmeos. De acordo com a pesquisa, os cuidados dos pais podem determinar se o bebê terá em média 12 centímetros a mais ou não.

Os cuidados apontados pela pesquisa para que o bebê cresça são: um bom ambiente para desenvolvimento quando o bebê ainda está na barriga, alimentação e saúde do bebê no primeiro ano de vida e a estrutura da família, tanto emocional quanto econômica.

Confira aqui os cuidados essenciais que as mães precisam ter na gestação. Quanto à alimentação do bebê, é importante amamentar o bebê exclusivamente até os 6 meses de vida. Veja os cuidados ao amamentar aqui. Confira aqui os cuidados ao introduzir os alimentos na dieta e veja aqui os alimentos essenciais para a saúde do seu bebê. Quanto à saúde do bebê, veja os cuidados para aumentar a imunidade do seu bebê aqui. E veja como estreitar o vínculo com o seu bebê aqui. Saiba mais sobre as emoções do seu bebê aqui. E por fim, veja os sinais de que o bebê está saudável aqui.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários