Descoberta substância que pode substituir anestesia no parto

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

Ela tem menos efeitos colaterais, é aplicada por meio de spray nasal e afeta muito menos o bebê

Uma pesquisa realizada pela Universidade do Sul da Austrália descobriu que a substância fentanil aplicada via spray nasal pode ser uma grande aliada para o alívio da dor do parto normal.

Esta substância age reduzindo a intensidade dos sinais de dor que chegam até o cérebro, por isso a dor não é completamente eliminada. Isto pode ter um lado bom, pois a analgesia utilizada atualmente, a peridural ou raquianestesia, acaba com a dor porque bloqueia completamente todas as sensações e é preciso inclusive que o médico ou enfermeiro obstétrico avisem a mulher sobre quando fazer força. Já com o fentanil a mulher ainda consegue sentir seu parto.

Cadastre-se

Outro benefício do fentanil é que seu uso ocorre via spray nasal, enquanto a analgesia se dá por meio de uma injeção dolorida na lombar da mulher. Tanto a peridural quanto a raquianestesia podem diminuir a velocidade com que o parto ocorre. Porém, este problema não acontece com o fentanil.

Por fim, a peridural e a raquianestesia passam para o organismo do bebê e podem ficar lá por até três dias, o que aumenta o risco de problemas de saúde no pequeno. Enquanto o fentanil permanece no corpo do bebê por no máximo sete horas, e por ficar menos tempo, as chances de complicações também diminuem.

Lembrando que antes dos métodos farmacológicos citados acima é possível reduzir a dor do parto normal de forma natural, sem que o bebê seja afetado de qualquer forma. Veja como fazer isso  aqui.

Veja mais

cesarea-medieval
sophie-charlotte

Deixe uma resposta

Comentários