Estrias na gravidez: causas, tratamento e prevenção

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

Saiba por que as estrias na gravidez aparecem e veja como evitá-las

As estrias na gravidez surgem quando ocorre uma distensão exagerada da pele, por exemplo, quando a pessoa engorda muito, durante estirão de crescimento, hipertrofia muscular por exercício físico intenso ou na gravidez, principalmente quando a barriga cresce muito, gestação gemelar ou quando a mãe ganha peso. “Tudo isso está associado a predisposição genética. É importante observar que as estrias também podem aparecem durante algumas doenças endocrinológicas”, ressalta a dermatologista Daniela Schmidt Pimentel, da Clínica Ephesus e do Hospital Sírio Libanês.

Existem maneiras de prevenir as estrias na gestação. É interessante ter uma alimentação correta, a fim de evitar o excesso de peso e praticar exercícios físicos de acordo com a orientação do obstetra. Confira um cardápio saudável para a gestante aqui. “Também orientamos o uso dos hidratantes desde o início da gestação, porém as estrias tendem a aparecer no final quando a barriga está maior. Podem ser utilizados tanto cremes  quanto óleos hidratantes específicos para as grávidas”, diz Pimentel.

Cadastre-se

Caso você tenha estrias, alguns tratamentos podem ser realizados após o parto para minimizar as marcas. Converse com seu dermatologista sobre qual é a melhor opção. Atualmente, uma alternativa tópica são os remédios a base de ácido retinoico, contudo esta substância não pode ser utilizada na fase de amamentação e muito menos gestação. Os tratamentos a laser também são uma alternativa, pois além de melhorar a elasticidade da pele, reduzindo a flacidez, eles também podem alterar a pigmentação das estrias, fazendo com que elas fiquem mais parecidas com a coloração ao redor.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários