“Coisa mais importante eu tenho dentro dessa casa, que é minha família”, diz Ana Hickmann

Por: Bruna Romanini

Foto: Reprodução R7

Veja o que ela disse sobre o marido, o filho e toda a sua família em sua primeira entrevista após a tentativa de assassinato

Após sofrer uma tentativa de assassinato em Belo Horizonte no último sábado, 23, a apresentadora Ana Hickmann concedeu uma emocionante entrevista ao programa Domingo Espetacular, da Record.

Ainda muito abalada, Ana falou sobre o filho, o marido e a importância de sua família neste momento tão difícil. Logo no início da conversa, ela agradeceu o fato do filho de dois anos, Alexandre, e do marido, também Alexandre, não estarem presentes naquelas horas de pânico. “É difícil acreditar que aquela cena, aquelas palavras, os tiros, tudo aquilo aconteceu. Parece o enredo de algum grande filme de terror. Por uma graça de Deus meu marido e meu filho não foram”, disse Ana.

Cadastre-se

A apresentadora também contou que quando estava sob a mira de Rodrigo Augusto de Pádua pediu para ser poupada por seu filho. “Diversas vezes eu tentei argumentar. Eu falava: ‘moço eu não te conheço, moço pelo amor de Deus eu tenho um filho pequeno’. E ele respondia: ‘Ahn, o seu filho, o Alexandre, ele é um anjo, mas você é uma vagabunda, uma piranha, você merece morrer’”.

Ana acredita que só sobreviveu graças à ajuda de sua família, seu cunhado e sua cunhada, que a acompanhavam no momento da tentativa de assassinato. “As balas atingiram minha cunhada porque eu acho que ela jogou o corpo em cima de mim para me proteger. Eu fui salva por ela, pelo meu cunhado e pelas pessoas que estavam ao meu redor e porque tem alguém lá em cima que gosta muito da gente”, contou Ana.

Superação em família

A apresentadora afirmou que agora a primeira coisa que quer é ver a família toda de volta para casa, já que Giovana, cunhada de Ana, está internada se recuperando dos tiros que sofreu. “Vão ficar cicatrizes, mas para contar que nós realmente tivemos uma segunda chance. Foi pelo amor de família que conseguimos escapar juntos. Eu só rezo para que todo mundo volte para casa bem, o pior já passou o importante é que todo mundo está vivo. Coisa mais importante é o que eu tenho dentro dessa casa, que é minha família”, concluiu.

Veja a entrevista de Ana Hickmann na íntegra aqui. 

Veja mais

loquio-sangramento-pos-parto
prefencial-mae-amamenta-lactente1
mulher-tiaguinho-gravida-chape

Deixe uma resposta

Comentários