Mãe conta como foi experiência de parir em uma floresta

Por: Bruna Romanini

Foto: Reprodução DailyMail

Simone Thurber decidiu ter seu quarto filho em uma floresta, veja o depoimento dela e o vídeo do parto

A mãe e doula Simone Thurber, de Utah, Estados Unidos, decidiu ter seu quarto filho em uma floresta. O nascimento da pequena Perouze, que atualmente tem quatro anos, ocorreu em uma floresta na Austrália, bem próximo de onde fica a casa de um casal de amigos de Simone.

O vídeo do nascimento da menina foi postado no Youtube e já teve mais de 52 milhões de visualizações. “Saber que mais de 52 milhões de pessoas assistiram o nascimento da minha filha e as mensagens lindas que recebi de mães e pais me agradecendo por compartilhar este vídeo porque isto os ajudou a ficar com menos medo do parto é ótimo”, contou Simone em entrevista ao jornal britânico DailyMail.

Cadastre-se

Simone também afirmou ao jornal britânico DailyMail que sempre quis ter um filho no meio da floresta. “Eu não sou uma hippie, mas eu queria que meu quarto filho nascesse longe das máquinas e do ambiente de um hospital. Mulheres tem dado à luz na floresta por milhares de anos”, justifica Simone.

Assim, quando Simone engravidou de seu quarto filho, ela falou com o marido Nick sobre o sonho de ter um filho na floresta e ele a apoiou. Na época o casal vivia em Melbourne na Austrália e começou a procurar a floresta perfeita para o parto. Até que um amigo do casal ofereceu uma casa que ficava no meio da floresta.

Simone entrou em trabalho de parto às 23:00 e às 9:00 da manhã foi para a casa de seus amigos. Duas horas após chegar lá, Simone deu à luz a Perouze em um lago na floresta. “Eu tinha levado um colchãozinho daqueles usados em ioga e quando a cabeça da minha bebê começou a sair eu naturalmente deitei neste colchão e ela foi puxada com calma. O sol estava brilhando, nós estávamos em um rio e tivemos nossa bebê”, conta Simone.

Ela afirma que este parto a ajudou a prevenir uma depressão pós-parto. “Eu havia sofrido depressão pós-parto em todas as minhas outras gestações e toda esta experiência de ter um filho na floresta me empoderou e libertou”, afirma Simone.

Sobre a estrutura caso algo desse errado, Simone afirma que não havia um médico no local e que se algo desse errado seria muito difícil chegar ao hospital. “Porém, como uma doula, eu sabia que a cabeça do bebê estava posicionada e meu corpo me dizia que eu havia tomado a decisão certa. Claro que eu jamais sugeriria que alguém tentasse fazer o mesmo sem antes falar com o seu médico”, conclui Simone.

A seguir, confira o vídeo do parto de Simone:

Vídeo: BirthinNature

Veja mais

tremores-parto
cesarea-medieval
sophie-charlotte

Deixe uma resposta

Comentários