Deficiência de ferro coloca um terço das grávidas em risco, diz estudo

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

O ferro é essencial para o bom desenvolvimento do cérebro do bebê na gestação

Uma pesquisa feita pelo hospital endocrinológico da Universidade de Saint-Pierre, em Bruxelas na Bélgica, descobriu que 35% das gestantes têm deficiência de ferro. O estudo contou com a participação de 1900 mulheres.

De acordo com o autor do estudo, Dr. Kris Poppe, o ferro é essencial para o bom desenvolvimento do feto. Isto porque ele ajuda o corpo da mãe a fabricar as células sanguíneas a mais para garantir o bom crescimento do feto e da placenta.

Cadastre-se

Ainda segundo o pesquisador, a falta de ferro na gestação também leva a problemas na produção do hormônio da tireoide. As gestantes precisam produzir boas quantidades deste hormônio para que o cérebro do bebê se desenvolva totalmente.

Diante dessas descobertas, Kris Poppe orienta que as mulheres façam exames antes de engravidar e durante a gestação para medir as quantidades de ferro em seu organismo. Caso elas estejam baixas, ele sugere que essas mulheres consumam mais alimentos ricos em ferro, como carnes vermelhas, especialmente fígado, ovos, e leguminosas, como feijão. Também é interessante que essas mulheres conversem com seus médicos sobre se devem consumir suplementos de ferro ou não.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários