Dor no umbigo na gravidez: causas e tratamento

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

Entenda as causas da dor no umbigo na gravidez, quando ela é grave e quais os tratamentos possíveis

A dor no umbigo na gravidez pode acontecer e sua causa é curiosa. “Algumas áreas e órgãos de nosso corpo recebem inervação de um mesmo local e, a dor em um desses locais pode refletir em outras regiões, como por exemplo, na questão do infarto. Durante o quadro de infarto, a pessoa pode ter não só dor precordial, mas pode ter dor só no antebraço esquerdo ou só na região do pescoço, sem precordialgia. Isso é chamado de dor referida. No caso da gestante, o útero pode refletir quadros dolorosos para a região umbilical”, explica o ginecologista obstetra Jurandir Passos Piassi, especialista em medicina fetal do Lavoisier Medicina Diagnóstica.

As dores podem ocorrer por causa de uma movimentação fetal, que leva a pontadas esporádicas que refletem para o umbigo. “Se ocorrerem de forma esporádica, não há com que se preocupar. Outra questão relacionada a dor no umbigo durante o período gestacional é a possibilidade da piora de um quadro de hérnia umbilical, que a mulher podia ter, pequena e assintomática, mas que com o crescimento do abdômen aumenta sua extensão e pode aparecer dor associada”, alerta Jurandir Passos Piassi.

Cadastre-se

Outra possibilidade para a dor no umbigo é uma infecção umbilical. “Por receio de fazer uma adequada limpeza umbilical devido à gestação, o umbigo pode infectar e ser causa de dor e inflamação local, sendo às vezes necessário o tratamento com antibiótico local para se obter a cura”, constata Jurandir Passos Piassi.

Quando buscar ajuda médica

Caso seja um processo infeccioso, se ocorrer aumento da vermelhidão e temperatura no local, é importante buscar ajuda médica. “Nos casos de hérnias, dependendo do aumento da abertura da hérnia, pode ocorrer a saída de conteúdo abdominal por seu orifício e dar um quadro chamado de hérnia encarcerada, que pode ser causa de dor forte e a correção cirúrgica da hérnia durante o período gestacional pode ser necessária”, diz Jurandir Passos Piassi.

As dores referidas do útero, normalmente não são preocupantes, mas, o aumento de sua frequência e intensidade, pode significar a ocorrência de contrações e esse quadro deve ser avaliado o mais breve possível.

Tratamento da dor no umbigo na gravidez

Se a causa da dor no umbigo for infecciosa, o uso de antibióticos e limpeza local podem ser indicados. “Nos casos de hérnias, a uso de cintas especiais ou mesmo a correção cirúrgica pode ser necessária. As contrações uterinas precisam de avaliação mais detalhada, pois existem inúmeras causas que podem levar a quadros de trabalho de parto prematuro”, orienta Juradir Passos Piassi.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários