Soneca: como fazer o bebê dormir e sua importância

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

Saiba quantas horas o bebê costuma dormir durante o dia, veja como garantir um bom descanso a ele e muito mais

É essencial que o bebê durma também durante o dia. “Como os pequenos gastam muita energia porque estão crescendo rapidamente, eles precisam descansar”, destaca a consultora familiar Renata Konzen, autora do livro Durma Tranquila: O sono de bebês de 0 a 6 meses.

Os recém-nascidos chegam a dormir cerca de duas horas por soneca. “A partir dos dois primeiros meses a quantidade e tempo de sonecas costumam ficar mais definidos. Normalmente o bebê tem 2 sonecas de uma hora e meia cada, uma no período da manhã e outra a tarde. Além disso, ele também tem uma soneca de meia hora no final da tarde”, conta Renata Konzen. Depois dos 6 meses até cerca de um ano e 4 meses o tempo de sono ao longo do dia continua semelhante, só que sem a meia hora de soneca no final da tarde.

Cadastre-se

Benefícios das sonecas

As sonecas proporcionam uma série de benefícios para o bebê. “O relacionamento da criança com os demais adultos se dá melhor quando ela está descansada. Além disso, quando os pais restringem as sonecas em geral ocorre piora do sono da noite, isto porque quando alguém vai dormir muito cansado a qualidade do sono tende a ser pior. É comum a criança acordar mais vezes a noite quando fica sem soneca”, afirma Renata Konzen.

Portanto, ao contrário do que muitos pais acreditam, restringir as horas de sono durante o dia não farão com que o bebê durma melhor a noite.

Como fazer o bebê tirar uma soneca

Por incrível que pareça, a melhor forma de fazer o bebê dormir é não fazendo ele dormir! “É um erro conceitual, ninguém faz os outros dormirem, nós deixamos que o outro durma”, explica Renata Konzen. Assim, se o bebê chora, os pais devem acalmá-lo e colocá-lo para dormir. “Até os 40 dias você coloca o bebê no berço e eles dormem. Depois disso, começam a enxergar melhor e querem ver o mundo e fica difícil para o bebê tomar a decisão de ir dormir”, diz Renata Konzen.

Claro que os pais podem contribuir para que o bebê durma. “O trabalho dos pais é dar apoio emocional e ajudar o bebê a se acalmar quando ele não consegue fazer isso sozinho”, afirma Renata Konzen.

Para tranquilizar o pequeno os pais podem:

  • Caminhar e balançar um pouco a criança no colo. “Isso funciona porque quando estava na barriga da mãe ele ficava no balanço do caminhar”, destaca Renata Konzen;
  • Colocar o bebê apoiado na barriga também é uma ótima ideia. Deixe a cabecinha do pequeno bem abaixo do seu pescoço, ele ficará de frente para você, barriga com barriga;
  • Até os três meses é válido colocar o bebê em um embrulhinho com o cobertor. Faça assim: coloque o cobertor em forma de diamante e coloque o bebê em cima, com a cabeça para fora da parte mais larga, de modo que os pezinhos ficam na ponta. Dobre a ponta direita e coloque-a em torno do lado esquerdo do bebê, deixando apenas o braço esquerdo do pequeno de fora. Depois, pegue a ponta do cobertor, traga para cima e coloque-a no peito do bebê. Por fim, dobre o lado esquerdo e coloque a ponta sob o bebê. Pronto!
  • Veja outras maneiras de acalmar o bebê aqui.

Assim que estiver calminho, o bebê provavelmente dará alguns sinais de que quer dormir. “Bebês pequenos coçam a orelhinha, esfregam o olho e em bebês com a pele clara em baixo da sobrancelha fica mais vermelhinho. A partir destes sinais os pais podem levar a criança para dormir, colocá-la no berço e deixá-la dormir sozinha”, orienta Renata Konzen. Então, não coloque o bebê já dormindo no berço, pois assim ele não irá aprender a dormir.

Evite horários determinados

Com o tempo, seu bebê irá estipular os horários em que as sonecas ocorrerão. Afinal, é muito difícil para os pais determinar o horário do sono, simplesmente porque se o pequeno não quer dormir, ele não irá dormir. Mas saiba que com o tempo, os bebês tendem a criar sua própria rotina de sonecas. “Muita gente fica preocupada com o horário, isso não é importante. O importante é que sempre que o bebê tenha sono, ele seja colocado para dormir”, observa Renata Konzen.

Sonecas longas demais

Não é orientado restringir o tempo de sonecas do bebê, mesmo quando elas são longas. “É normal ele dormir um pouco mais, em geral isso pode acontecer em dias isolados. Pode ser um dia em que ele se cansou muito ou em que tomou uma vacina”, diz Renata Konzen.

Quando o bebê não quer fazer a soneca

Você já tentou tudo o que dissemos e seu pequeno não quer fazer uma soneca? “Se a criança não está com sono não tem como forçar. Mas se você notou que ela está com sono, vale a pena insistir”, conclui Renata Konzen.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários