EUA salva 118 mil bebês após PROIBIR 1 produto que ainda é muito usado por aqui

Por: Bruna Romanini



Foto: Reprodução

Uma pesquisa da Universidade de Nova Iorque descobriu que após uma substância ser banida nos Estados Unidos, milhares de bebês se beneficiaram

Em 2003 o governo dos Estados Unidos começou o processo para eliminar o químico Ácido perfluoro-octanoico (PFOA) de seus produtos. Este químico foi sendo retirado gradualmente até que em 2014 foi completamente eliminado dos produtos no país.

O PFOA está presente principalmente em panelas e frigideiras antiaderentes e pode ser ingerido pelas pessoas por meio de alimentos preparados nestes utensílios. Além disso, ele também é utilizado em embalagens de pipoca de micro-ondas, e outras embalagens de alimentos à prova de água.

Cadastre-se

O químico foi eliminado nos Estados Unidos após diversos estudos apontarem para os riscos que ele poderia causar, especialmente para gestantes e mães que amamentam. Uma pesquisa chegou a descobrir que ele prejudica até mesmo a produção de leite materno, saiba mais aqui. E outro estudo apontou o risco deste químico para gestantes, veja aqui.

Agora, uma grande pesquisa da Universidade de Nova Iorque, Estados Unidos, decidiu observar quais foram as mudanças após este químico ter sido banido. E os pesquisadores chegaram a incrível conclusão de que eliminar este químico evitou que cerca de 118 mil bebês nascessem com baixo peso entre 2003 e 2014 nos Estados Unidos!

Com menos bebês nascendo com baixo peso, também diminuiu drasticamente o número de internações e problemas de saúde destes bebês, por isso foi economizado 13.7 BILHÕES de dólares em saúde!

O estudo será publicado na revista científica International Journal of Hygiene and Environmental Health. Infelizmente, o PFOA ainda é utilizado em produtos no Brasil, por isso, fique atenta na hora das compras e observe se os produtos mencionados acima, como panelas e frigideiras antiaderentes, possuem um selo que diz que ele não tem PFOA, geralmente está escrito PFOA free em produtos assim.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Veja mais

Comentários





Veja mais