Descoberta substância que pode levar ao aborto espontâneo

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

Ela está presente em diversos produtos do seu dia a dia, como embalagens alimentícias e esmaltes

Uma pesquisa publicada na revista científica Environmental Science & Technology  da American Chemical Society com 300 mulheres observou que a exposição à substância ftalato pode aumentar o risco de aborto espontâneo, especialmente entre 5 e 13 semanas de gestação.

A pesquisa testou as amostras de urina de 132 mulheres que sofreram um aborto espontâneo e 172 mulheres grávidas saudáveis. Os estudiosos descobriram que o aborto espontâneo estava associado aos maiores níveis de ftalatos na urina das mulheres.

Cadastre-se

No Brasil, os ftalatos podem ser encontrados em embalagens plásticas em contato com o alimento. Os ftalatos costumam aparecer com o nome de DEHP (ftalato de di-2-etil-hexila). Em outros países, os ftalatos estão presentes em esmaltes, perfumes, hidratantes, sabonetes líquidos, anti-transpirantes, desodorantes, condicionadores e shampoos.

Veja mais

andressa suita ensaio gestante
sabrina sato gravidez
sabrina sato
sabrina sato desejo grávida
mayra cardi barriga diminuiu
sabrina sato gravidez sem risco
sabrina sato quarto bebe
isis valverde loira

Deixe uma resposta

Comentários

Veja Mais