Andressa Suita responde às críticas por ter feito tatuagem na fase de amamentação

Por: Bruna Romanini



Foto: Getty Images

Andressa Suita falou sobre os cuidados importantes que teve antes de fazer a tatuagem

A modelo Andressa Suita decidiu responder às críticas a tatuagem que fez em homenagem ao seu bebê. Na verdade, as críticas foram feitas ao fato da modelo

A modelo e mamãe Andressa Suita fez uma linda tatuagem para homenagear seu primeiro filho com o cantor Gusttavo Lima, o pequeno Gabriel. Porém, o fato dela ter feito esta tatuagem gerou uma polêmica e algumas críticas porque Andressa ainda está na fase da amamentação.

Cadastre-se

Por isso, Andressa resolveu responder as críticas e esclarecer algumas questões sobre tatuagem durante entre as mães que estão amamentando. Veja o que Andressa Suita disse e depois saiba mais sobre os cuidados que as mães que amamentam precisam ter ao fazerem uma tatuagem.

“Tem muita gente preocupada com o fato de ter me tatuado e estar amamentando o Gabriel, agradeço demais o carinho e vou esclarecer alguns mitos. Não há risco de absorção da tinta no leite materno, mas é necessário escolher MUITO BEM o estúdio e o tatuador, o material utilizado deve ser de qualidade e estéril. Os tatuadores devem usar luvas, máscaras, possuir autorização de funcionamento e certificado de cursos em várias áreas. Ser vacinados contra Hepatite B e não utilizar restos de pomadas e tintas. Aliás, esses cuidados devem ser tomados por qualquer pessoa que decida se tatuar. A minha sessão foi super rápida, esse é outro ponto a ser observado, escolher horários que não interrompam a rotina de amamentação do bebê…Pra mim era muito importante registrar na pele esse amor que transborda no meu coração”.

Mães que amamentam podem fazer tatuagens?

Andressa Suita está correta. Mães que amamentam podem sim fazer tatuagens, desde que sigam alguns cuidados importante. De fato, a molécula da tinta da tatuagem é muito grande, portanto não há o risco da tinta da tatoo passar para o leite materno. Mas mesmo assim, de acordo com a ONG Internacional de Amamentação La Leche League, o ideal é esperar até um ano após o parto para fazer a tatuagem. Contudo, é importante deixar claro que o momento de fazer a tatuagem é algo que deve ser decidido entre você e o seu médico.

Uma vez que você tenha autorização médica para realizar a tatuagem, é preciso ter cuidados na hora de escolher o estúdio.

Afinal, quando os cuidados com higiene necessários não são feitos pelo estúdio há o risco da pessoa contrair doenças como o HIV e Hepatites. E no caso da mãe que amamenta, algumas dessas doenças podem passar para o leite materno e contaminar o bebê.

Portanto, ao visitar um estúdio de tatuagem, observe se os seguintes cuidados são feitos:

  • Se o estúdio está limpo e organizado;
  • Se o profissional lava as mãos com água e sabão e depois aplica álcool 70%;
  • Se o profissional limpa a pele do cliente com água potável e sabão líquido, seguido de aplicação de antisséptico (álcool 70%, PVPI), entre outros;
  • Se tem avisos escritos sobre os possíveis riscos causados pelo material e/ou substâncias;
  • Se o profissional usa luvas descartáveis e máscaras ao realizar a tatuagem e/ou colocação de piercing;
  • A tinta da tatuagem não pode ser tóxica e precisa ser registrada pela Anvisa;
  • As agulhas de colocação do piercing ou aplicação da tinta da tatuagem, lâminas ou aparelhos de raspagem de pelos devem ser descartáveis;
  • Os materiais que não são descartáveis devem ser limpos e desinfetados com álcool 70%;
  • Os materiais utilizados devem ser guardados em um local limpo, organizado, fechado e sem umidade.

Também é importante seguir todos os cuidados recomendados após fazer a tatuagem, como manter a tatoo limpa com sabonete neutro e água, evitar o sol, entre outras orientações.

Fonte consultada:

ONG La Leche League

Veja mais

Comentários



Veja mais