Kelly Key revela seu método contraceptivo pouco seguro: ‘demanda energia’

Por: Bruna Romanini



Kelly Key método

Foto: Reprodução Youtube – A cantora Kelly Key falou sobre seu método contraceptivo pouco seguro: a tabelinha

A cantora Kelly Key falou sobre como está evitando uma nova gestação e surpreendeu ao revelar seu método

A cantora Kelly Key e o marido e empresário Mico Freitas não planejam ter mais filhos. Eles já são pais de Artur, um ano, Jaime Vitor, 13 anos e de Suzanna, 18 anos.

E a cantora surpreendeu ao revelar qual método contraceptivo eles estão usando. Isto porque o casal utiliza um método pouco confiável: a tabelinha!

Cadastre-se

Kelly explicou que Mico não usa camisinha e contou como tem sido o uso da tabelinha. “Nesse momento eu não estou usando absolutamente nada! Vivo sob uma tabela e isso demanda uma energia grande, uma dedicação total! Mas a questão é que eu não quero misturar hormônios ruins no meu corpo em um momento onde meu objetivo rema contra ele. Ele (Artur) tá chamando irmão, mas eu não quero não, vamos fechando a fábrica aqui. Eu pensei em usar o chip da beleza, mas minha médica e meu coach me convenceram a não usá-lo por causa de um hormônio dele. Eu tento ficar livre dos hormônios principalmente por causa do hipotireoidismo que eu tenho. Eu estou querendo colocar o DIU de cobre, mas agora descobri que tem um DIU de cobre e prata. A gente sabe que o DIU de cobre pode dar um fluxo mais intenso e mais cólicas e eu já tenho um fluxo mais intenso e já tenho cólicas. Ai saiu esse DIU de cobre e prata e parece que a prata anula esses efeitos do DIU de cobre e agora eu estou correndo atrás disso”, disse a cantora em seu canal no Youtube.

Tabelinha consiste em calcular quais os dias prováveis da sua ovulação, com base no seu ciclo menstrual, e então evitar as relações sexuais nos dias em que você provavelmente estará ovulando.

Porém, este método não é eficaz. Primeiramente, porque para ele funcionar, a mulher precisa ter um ciclo menstrual muito regular. Além disso, o espermatozoide pode sobreviver dentro do corpo da mulher por alguns dias após a relação sexual, então também é necessário levar isso em conta para saber quando poderá ter relações. Por todos estes motivos, este método não é orientado pela maioria dos ginecologistas.

Se você está amamentando, saiba que existem alguns métodos contraceptivos específicos para você.

Veja mais

Comentários



Veja mais