“Meu bebê quase morreu após ficar mais de 1 hora na cadeirinha”

Por: Bruna Romanini

Foto: Reprodução STV – Esta bebê quase perdeu a vida após ficar mais de uma hora na cadeirinha

“Ninguém tinha nos contado sobre este risco”, desabafou a mãe da bebê, entenda o que houve

Uma bebê de apenas três semanas acabou sofrendo uma convulsão e lutando pela vida após ter passado mais de uma hora na cadeirinha para auto. A pequena Harper estava viajando de carro com seus pais Kirsti e Christopher Clark e a irmã mais velha Malena de três anos.

Foi quando a família escocesa acabou pegando um engarrafamento. Eles ficaram no trânsito por uma hora e quarenta e cinco minutos. E Harper passou todo este período na cadeirinha. Após isso, a pequena ainda passou mais 15 minutos na cadeirinha enquanto seus pais colocavam sua irmã mais velha para dormir.

Quando o pai Christopher retirou a menina da cadeirinha notou que seus lábios estavam roxinhos. “Na hora que o Christopher pegou ela eu vi que havia algo errado.  Ela começou a espumar e pelo nariz e boca. Foi assustador, ela estava convulsionando!”, contou a mãe Kirsti em entrevista ao jornal britânico Daily Mail.

Os pais foram rapidamente para o hospital, o trajeto até o hospital levou cinco minutos. “Mesmo assim foi terrível, parecia uma eternidade. Eu ficava tentando ver se ela estava respirando, tudo que eu conseguia pensar era que estava perdendo minha filha”, recorda-se Kirsti.

Assim que chegaram no hospital, os médicos conseguiram ressuscitar Haper e fazê-la respirar. Eles então começaram a fazer exames para descobrir o que havia causado a convulsão. Após saberem que a menina havia passado quase duas horas seguidas na cadeirinha para auto, os médicos concluíram que esta foi a causa.

Os médicos então explicaram aos pais que ter ficado tanto tempo na cadeirinha fez com que Harper ficasse privada de oxigênio. Foi tão severo que quando os pais a tiraram da cadeirinha, o imediato aumento do oxigênio colocou seu corpo em choque e causou a convulsão.

Os exames constataram a pequena Harper está bem e não sofreu nenhuma sequela, mas os médicos alertaram os pais sobre os riscos de deixar um recém-nascido na cadeirinha por mais de uma hora.

Os pais decidiram tornar pública a história de sua filha para alertar outras famílias. “Quando nos disseram que nossa filha convulsionou por causa da cadeirinha eu fiquei chocada. Ninguém nunca havia nos falado sobre este risco! Sentimos que precisávamos compartilhar o que aconteceu com a Harper porque os pais precisam saber sobre este risco. Quase perdemos nossa filha por causa de duas horas em uma cadeirinha. Eu recomendo que todos os pais fiquem atentos ao colocarem seu filho na cadeirinha e que estacionem o carro e o deixem um pouco fora dela caso estejam há muito tempo na cadeirinha”, concluiu a mãe.

Mais de 20 minutos na cadeirinha já é perigoso

Uma pesquisa feita pela ONG inglesa Lullaby Trust descobriu que pais de bebês de até um mês de vida devem evitar passeios de carro maiores do que 20 minutos. Isto porque após o período de 30 minutos na cadeirinha os pesquisadores notaram que os batimentos cardíacos e a respiração dos pequenos começam a diminuir e o que pode levar ao risco de as crianças sufocarem e sofrerem a temida morte súbita.

Foto: Reprodução STV – A bebê Harper com seu pai, mãe e irmã após o susto

Comentários



Veja mais