Brinquedos tecnológicos prejudicam a comunicação do bebê

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

Eles também podem fazer com que o bebê tenha dificuldades em lidar com suas emoções

Uma pesquisa da Universidade do Arizona, Estados Unidos, descobriu que brinquedos muito tecnológicos, aqueles que emitem muitos sons e luzes, podem prejudicar a capacidade de comunicação dos bebês.

Os pesquisadores acreditam que isto ocorre porque apesar destes brinquedos capturarem a atenção dos bebês, eles não proporcionam interações de qualidade entre pais e bebê. “O ideal não são brinquedos como estes que isolam os bebês, mas sim aqueles que proporcionam maior interação do pequeno com os pais e outras pessoas”, disse o pesquisador Bradford Wiles.

Cadastre-se

Ainda segundo os pesquisadores, crianças que brincam com tablets e brinquedos muito tecnológicos e barulhentos acabam desenvolvendo problemas no desenvolvimento da comunicação. “As crianças precisam de interações com significado com os adultos para conquistar seu maior potencial social. As pesquisas começam a indicar que quando a criança se isola por meio desses brinquedos tecnológicos, ela não consegue regular suas emoções muito bem e não é capaz de se relacionar muito bem com outras pessoas”, disse Bradford  Wiles.

Melhor opção

A pesquisa também observou que crianças cujos pais têm o hábito de ler livros para elas possuem uma capacidade de dialogar muito melhor do que a de pequenos que foram expostos constantemente a brinquedos tecnológicos muito barulhentos. Outra boa opção são os brinquedos educativos, como quebra-cabeças.

Veja os brinquedos mais indicados para as crianças aqui.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários