Descoberta atitude na gestação que reduz em 50% risco do bebê nascer morto

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

Estudo aponta que tomar vacina contra gripe durante a gravidez é essencial para prevenir que bebê nasça morto

Uma pesquisa realizada com mais de 60 mil mães e seus respectivos bebês e publicada na revista científica Clinical Infectious Diseases concluiu que tomar a vacina contra a gripe durante a gestação reduz em 51% as chances do bebê nascer morto.

Os pesquisadores também observaram que o número de bebês nascidos mortos aumentou após períodos de grande circulação do vírus da gripe. Os resultados deste estudo são consistentes com uma pesquisa realizada em 2000 na Suíça que observou um aumento no número de natimortos após os períodos de muitos casos de gripe. “Além disso, durante o surto de H1N1 em 2009 na Suíça também foi observada uma redução no número de natimortos após a vacinação contra a gripe”, afirma Annette Regan, autora do estudo atual.

Cadastre-se

Cerca de 3 milhões de bebês nascem mortos no mundo por ano. As conclusões deste estudo podem ter um resultado muito benéfico na redução deste número. A orientação é que a vacina contra gripe seja tomada anualmente. Veja aqui todas as outras vacinas que as grávidas precisam tomar.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários