Mãe que morreu pra salvar sua bebê deixa carta emocionante pra filha

Por: Bruna Romanini

Foto: Reprodução Facebook

“Desde que você nasceu sinto como se eu tivesse começado a viver pela primeira vez”, disse a mamãe Elena Furlan

Quando estava no início da gestação, a mãe italiana Elena Furlan foi diagnosticada com câncer. Os médicos disseram que o câncer iria afetar seu útero e que ela não conseguiria manter a gestação até o parto. Além disso, os médicos orientaram que ela fizesse um aborto para que pudesse realizar o tratamento de sua doença.

Porém, ao ver seu primeiro exame de ultrassom, Elena tomou uma decisão: ela não realizaria o tratamento, continuaria com a gravidez e, ao contrário do que os médicos acreditavam, conseguiria sim dar à luz a sua bebê. “Como eu poderia matar esta pequena bebê?! Não, minha filha vai viver”, disse Elena diante de seu primeiro ultrassom.

Cadastre-se

Os nove meses de gestação foram de muita luta para Elena, mas ela conseguiu! Em novembro de 2015 ela deu à luz a pequena Maria Vittoria! Elena ainda conseguiu ficar ao lado da filha por mais onze meses e aproveitou cada momento ao máximo.

Elena faleceu em outubro de 2016. Mas antes de falecer, ela escreveu uma emocionante carta para que a filha lesse quando estivesse grande o suficiente para entender. A carta mostra o quão IMENSO pode ser o amor de uma mãe. Confira as emocionantes palavras de Elena para filha:

“Você me escolheu contra todas as crenças médicas e contra todas as possibilidades….sua fé me fez acreditar que eu era uma pessoa especial. Eu te amo minha bebê! Eu e você, juntas, nós lutamos como leoas e nós vencemos! Meu amor, desde que você nasceu sinto como se eu tivesse começado a viver pela primeira vez. Às vezes eu penso no quão triste teria sido se você nunca tivesse vindo, porque antes de você eu não sabia o que viver realmente significava: amar outra pessoa acima de tudo.

Eu amo você minha filha, eu amo seu sorriso, eu amo cantar musiquinhas engraçadas com você, eu amo te beijar e te beijarei para sempre, eu amo todas as suas conquistas. Eu te amo infinitamente”.

Veja mais

loquio-sangramento-pos-parto
prefencial-mae-amamenta-lactente1
mulher-tiaguinho-gravida-chape

Deixe uma resposta

Comentários