1 erro ao colocar bebê no sling tirou sua vida

Por: Bruna Romanini

Foto: Na imagem da esquerda está o casal Marianne e Richard e pequeno Erick, já na imagem da direita temos um  bebê colocado no sling da forma errada.

Entenda o que houve e veja os cuidados essenciais ao usar o sling em seu bebê

O sling proporciona uma série de benefícios para o bebê e a mãe, estimula o desenvolvimento dos pequenos, estreita o vínculo entre mãe e bebê, entre outros. Porém, é essencial ter cuidado ao utilizá-lo e a mãe australiana Marianne Medcalf descobriu isso da pior forma possível.

O filho de Marianne, o pequeno Eric Matthews, tinha apenas cinco semanas quando morreu sufocado ao ter as vias áreas obstruídas quando estava no sling. Os pais, Marianne Medcalf e Richard Matthews, recordam-se de terem levado o pequeno Eric para um passeio curto perto de casa na véspera do Natal. No começo o pequeno estava chorando um pouco, depois pareceu aos pais que ele estava dormindo, mas quando chegaram em casa eles notaram que o pequeno estava inconsciente.

Cadastre-se

O pequeno Eric ainda ficou internado por oito dias, mas não resistiu. “Todos os livros de bebês falam que o sling é bom para eles. Eu sabia do risco de colocar o bebê para dormir na posição errada, mas jamais pensei que o sling pudesse oferecer riscos”, disse Marianne em entrevista ao jornal britânico DailyMail.

O sufocamento no sling, como houve com o pequeno Eric, ocorre quando o rostinho do bebê é coberto pelo tecido que acaba obstruindo as vias áreas. Por isso, para evitar tragédias como a de Marianne é essencial prestar atenção a posição de seu bebê no sling. “A maior preocupação é com a respiração do bebê, por isso, assegure-se sempre que a cabeça do bebê esteja alta de forma que você possa vê-la”, diz a pediatra Heloisa Ionemoto, membro da Sociedade de Pediatria de São Paulo, departamento de Cuidados Hospitalares e Domiciliares.

Tome cuidado para não deixar o pescoço do bebê muito dobrado, com o queixo no peito ou muito apertado no peito, pois isso dificulta a respiração da criança. “O uso do sling em crianças abaixo de 4 meses de idade deve ter cuidados redobrados porque o bebê ainda não consegue sustentar a cabeça ereta, tem um tônus muscular que está se desenvolvendo e pode ficar numa posição que dificulte a respiração”, observa Heloisa Ionemoto.

Não deixe que as pernas do bebê fiquem dobradas contra seu abdome, pois isso também pode dificultar a respiração. “Fique sempre alerta e olhe constantemente se seu bebê está numa posição confortável. Peça ajuda para posicionar o bebê nas primeiras vezes tanto no canguru quanto no sling”, destaca Heloisa Ionemoto.

Não faça atividades que envolvem algum risco de acidentes com o bebê, como cozinhar, tomar bebidas quentes, passar roupas, entre outas, enquanto estiver com o sling. Também tenha cuidado redobrado ao subir ou descer escada.

Veja outros cuidados ao usar o sling aqui.

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários