‘O médico insinuou que minha bebê de 6 meses está gorda e quis coloca-la de dieta’

Por: Bruna Romanini

Foto: Reprodução DailyMail

A bebê está dentro do peso recomendado e tem uma alimentação saudável, mama no peito e come frutas e vegetais

A mamãe Danielle Parker, da Inglaterra, ficou em choque após levar sua bebê de seis meses para uma consulta no pediatra. Isto porque de acordo com ela, o médico sugeriu colocar sua bebê de dieta!

De acordo com Danielle, o médico orientou que ela parasse de dar alimentos sólidos para a pequena Grace e só oferecesse água para a bebê entre as mamadas no peito. É importante deixar claro que a Sociedade Brasileira de Pediatria, a Academia Americana de Pediatria e muitas outras organizações médicas respeitáveis orientam que o bebê comece a ingerir alimentos sólidos a partir dos seis meses, portanto, a recomendação deste médico vai contra isso. “O médico orientou que eu cortasse toda a comida entre as mamadas e só oferecesse água para minha bebê, basicamente ele sugeriu que eu colocasse minha filha de dieta”, disse Danielle em entrevista ao jornal britânico DailyMail.

Links Patrocinados

Ainda segundo Danielle, ao pesar sua bebê o médico expressou desgosto com o resultado na balança. A bebê pesa 8 quilos, o que está dentro do orientado para sua idade e tamanho. “A primeira coisa que o médico falou quando viu o peso da minha filha foi: ‘meu Deus, o que você está dando para sua filha comer?!’. Ele estava claramente insinuando que minha filha estava gorda. Eu até entenderia o médico ficar chocado se eu tivesse respondido algo como: ‘Tenho dado muito chocolate e doce pra minha filha’. Mas isso não é verdade, eu só comecei a alimentar minha filha com sólidos quando ela completou seis meses e dou somente papinhas de frutas e de vegetais, além do leite materno”, contou Danielle.

A consulta deixou Danielle arrasada. “Saí do hospital muito triste e brava. Fiquei realmente chocada com o que o médico disse – não podia acreditar. Isso me fez sentir realmente inadequada como uma nova mãe”, afirmou Danielle para o jornal britânico DailyMail.

Links Patrocinados

Após esta consulta, Danielle decidiu buscar a opinião de outro médico. Na consulta com o outro profissional, ele disse que o peso da bebê estava dentro do esperado e que não havia nenhum tipo de preocupação em relação ao peso e a forma como ela estava alimentando a filha.

Agora, Danielle e seu marido farão uma reclamação formal contra o primeiro médico no hospital em que foram atendidos por ele.

Veja como saber se o peso do seu bebê está saudável aqui. E confira uma sugestão de cardápio para bebês de seis meses aqui.

Veja mais

Comentários

Links Patrocinados