Pai faz relato sincero de como é o sexo após o parto

Homem beijando sua mulher após o parto

Pai faz relato sincero de como é o sexo após o parto

Pai faz relato sincero de como é o sexo após o parto

Homem beijando sua mulher após o parto

Foto: Getty Images

O papai de gêmeos fez um relato muito sincero de como é o sexo após a chegada do bebê

Um papai de gêmeos deu um ótimo depoimento anônimo para o portal KidSpot contando de forma muito sincera o que muda no sexo do casal após o nascimento do bebê. Confira:

“Eu e minha esposa esperamos três meses após o nascimento dos nossos gêmeos para voltarmos a ter relações sexuais. E claro que voltar a fazer sexo não foi igual ao que era quando não tínhamos filhos.

Afinal, minha esposa ainda estava se recuperando e eu quis ser o mais cuidadoso possível. E eu fui muito cuidadoso, ao ponto de ficar até um pouco esquisito. Eu estava com medo de machucá-la durante a penetração então fui com muita calma e deu certo. Minha esposa está amamentando e seus seios ainda estão muito delicados, de modo que ela pediu que eu não mexesse muito com eles durante o sexo. Então, eu procurei focar em outras áreas sensuais menos óbvias, como seus quadris, cintura, suas costas.

Mas apesar de ter muito cuidado envolvido e uma certa tensão por causa disso, o sexo também foi engraçado. Afinal, teve MUITO leite envolvido! O leite saiu dos dois seios dela, mas pelo menos acabou nos ajudando a descontrair e quebrou o gelo.

Minha esposa teve parto normal de gêmeos, então eu confesso que tinha muitas dúvidas sobre como seria a penetração, se eu sentiria que a vagina dela estava ‘mais larga’ como costumam dizer. E a verdade foi que eu não senti nada largo, estava apertado como antes! Mas devo confessar que foi diferente do que era, parecia que os músculos da vagina tinham mudado de lugar, não sei descrever bem a sensação. O fato é que definitivamente não ficou pior e nem melhor, apenas diferente.

No fim o sexo após a chegada do bebê acabou sendo muito bom, mas obviamente foi diferente do que era antes. Com base no que eu vivi, acho que para o casal consiga ter um bom retorno à vida sexual é importante que o homem não julgue a mulher de forma alguma, especialmente não julgue o corpo da sua parceira, tenha paciência e claro, procure dar muito prazer para sua mulher”.

Comentários