Como menino de 6 anos perdeu a vida ao brincar no balanço de parquinho em SP

Por: Bruna Romanini



Foto: Reprodução Redes Sociais

Caso ocorreu na cidade de Adamantina, interior de São Paulo, o menino morreu após ser atingido pelo balanço

Um triste caso chocou a cidade de Adamantina, no interior de São Paulo. Um menino de seis anos morreu enquanto brincava em um parquinho por volta das 20h20 no domingo 27 de agosto.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, Felipe Cardoso Pereira foi atingido na cabeça por um balanço construído para cadeirantes. O garoto não tinha nenhum tipo de deficiência, mas estava brincando nesse balanço.

Cadastre-se

Ainda de acordo com os bombeiros, o menino estava no balanço, quando caiu e o brinquedo bateu em sua cabeça. O menino foi socorrido pelos bombeiros e encaminhado para a Santa Casa da cidade, mas chegou sem vida à unidade de saúde.

Os balanços para cadeirantes são bem mais pesados do que os balanços comuns, por isso o forte impacto pode ter levado a morte do menino. Os pais da criança estavam com ele no parquinho no momento do acidente, mas foi um tio do menino que o acompanhou na viatura de resgato dos bombeiros.

Em nota, a Prefeitura de Adamantina lamentou o “incidente” no Parque dos Pioneiros e informou que colocou à disposição da família toda assistência necessária.

De acordo com o Poder Executivo, o brinquedo que causou o incidente é idêntico a outros instalados em diversos municípios e está de acordo com as especificações da Associação Brasileira de Normas Técnicas (Abnt), bem como o projeto de implantação de infraestruturas esportivas do município foi aprovado pelo Ministério do Esporte.

A Prefeitura ainda alegou que a manutenção dos brinquedos nos parquinhos da cidade é realizada sempre que necessária.

A Polícia Civil irá investigar se houve alguma negligência no caso e também haverá a apuração para verificar as condições do brinquedo e se ele estava dentro das normas legais.

Veja mais

Comentários



Veja mais