“Dei à luz gêmeas e uma nasceu com Síndrome de Down e a outra não”

Por: Bruna Romanini

Foto: Reprodução Daily Mail – Confira a história destas lindas gêmeas

O caso destas gêmeas é considerado um em um milhão, saiba mais sobre as bebês a seguir

A mãe britânica Nicola Bailey falou sobre o orgulho que sente de suas gêmeas. As bebês Harper e Quinn são um caso em um milhão. Isto porque Harper nasceu com Síndrome de Down, mas sua irmã gêmea, Quinn, não nasceu com a síndrome.

Nicola contou em entrevista ao jornal britânico Daily Mail que quando os médicos revelaram a síndrome de Harper lhe disseram: ‘sinto muito’. “Mas não havia motivos para ‘sentir muito’. Para mim as minhas duas meninas são perfeitas. A Harper é a Harper e a Quinn é a Quinn, elas não são as mesmas e eu tento não compará-las. A Harper é perfeita do jeitinho que ela é e tem um sorriso que ilumina todos à sua volta”, afirmou Nicola em entrevista ao jornal britânico Daily Mail.

Cadastre-se

Os pais Nicola e Todd só descobriram que uma de suas gêmeas tinha Síndrome de Down após o parto. Durante a gestação, nenhum dos exames mostrou qualquer alteração. As gêmeas não são idênticas e por esse motivo foi possível que uma nascesse com a síndrome e a outra não.

Gêmeos idênticos possuem material genético idêntico, ou seja, o cromosso extra que causa a Síndrome de Down estaria presente em ambos os gêmeos e não em apenas um deles. Já gêmeos que não são idênticos são como qualquer irmão ou irmã de mesmo pai e mesma mãe, com materiais genéticos diferentes. Portanto, é perfeitamente possível que um nasça com a síndrome e outro não.

Mesmo assim, este acontecimento é raro. Estima-se que gêmeos onde um nasça com a Síndrome de Down e o outro não ocorrem a cada um milhão de nascimentos! “Nossa família é única e eu não a trocaria por nada nesse mundo”, concluiu a mamãe Nicola.

Foto: Reprodução Daily Mail – A mamãe Nicola com suas gêmeas e o filho de 3 anos

Foto: Reprodução Daily Mail – As gêmeas Harper e Quinn

Veja mais

Comentários





Veja mais