Mãe explica por que ainda amamenta a filha de 5 anos

Por: Bruna Romanini

amamentar mae filha

Foto: Reprodução Daily Mail – Veja a história de amamentação dessa mãe

A mãe Emma Shardlow falou sobre como é a amamentação de sua filha de cinco anos

A mãe Emma Shardlow da Inglaterra falou sobre sua decisão de continuar amamentando a filha de cinco anos, Alex. Emma amamenta a menina e também o seu outro filho, Ollie, de dois anos.

Ela contou os dois mamam entre as refeições principais. Emma ainda explicou que os filhos raramente ficam doentes e que acredita que isto é por causa da amamentação. “Quando a Alex começou na creche ocorreram algumas viroses e enquanto a maioria de seus coleguinhas ficaram doentes, minha filha não teve nada. Meus filhos raramente ficam doentes e eu tenho certeza que é por causa dos anticorpos presentes no leite materno. Eu me sinto muito bem por poder proporcionar isso a eles”, contou Emma em entrevista ao jornal britânico Daily Mail.


Cadastre-se

Emma também explicou que a decisão de amamentar a filha por tanto tempo não foi algo consciente, simplesmente foi acontecendo. “Não foi uma decisão consciente, eu fui amamentando minha filha e pensei: ‘por que parar agora se está bom para ela?’. Eu considero uma grande conquista conseguir nutrir meus filhos com o meu próprio corpo por tanto tempo e  me sinto muito orgulhosa por isso. Mas apesar de ser algo muito bom,  provavelmente foi uma das coisas mais difíceis que já fiz na vida. O começo da amamentação foi muito difícil para mim e eu precisei de ajuda de enfermeiras para aprender a amamentar”, contou Emma.

O marido de Emma tem lhe dado muito apoio durante todo este processo. “Meu marido entende a importância da amamentação e ele me dá todo o apoio”.

Com relação à quando irá realizar o desmame da filha, Emma não colocou prazos. Porém, ela acredita que a própria menina vai querer parar de mamar em breve. “Acho que ela vai parar de mamar logo, ela está dando alguns sinais de que o desmame será daqui a pouco”, afirmou Emma.

O Ministério da Saúde e a Organização Mundial de Saúde recomendam que a amamentação seja exclusiva até os seis meses de vida do bebê e que siga de forma complementar a outros alimentos até os dois anos ou mais. A amamentação prolongada, ou seja, após os seis meses do bebê, proporciona uma série de benefícios. 

Foto: Reprodução Daily Mail – A mãe Emma com os filhos e o marido

Foto: Reprodução Daily Mail – A mãe Emma amamentando os dois filhos

Veja mais

klebber toledo camila queiroz
titi
duda nagle nomes sabrina sato
ivete sangalo gemeas viagem

Deixe uma resposta

Comentários