Descobertos 4 erros graves que 91% dos pais cometem ao pôr bebê na cadeirinha

Por: Bruna Romanini

Foto: Getty Images

71% dos casos de mortes e machucados de bebês em decorrência de acidentes poderiam ter sido evitados

Uma pesquisa publicada na revista científica The Journal of Pediatrics descobriu que 95% das famílias cometem pelo menos um erro ao colocar o bebê na cadeirinha e 91% das famílias cometem um erro grave ao colocar os pequenos na cadeirinha.
Ainda segundo o estudo, 71% dos casos de mortes e machucados de bebês em decorrência de acidentes poderiam ter sido evitados se estes erros não tivessem sido cometidos.

Os pesquisadores descobriram que os principais erros ao colocar os pequenos na cadeirinha são: cinto frouxo demais, erros ao instalar a cadeirinha, ângulo de reclinação da cadeirinha e clip do peito baixo demais.

Cadastre-se

Quanto ao cinto frouxo é importante saber que deve ficar um dedo de folga entre o peito da criança e as tiras do cinto. E que a criança não deve usar casacos muito grossos quando for colocada na cadeirinha. Isto porque estes casacos dão uma noção errada do tamanho da criança, fazendo com que o cinto fique frouxo demais. Em dias frios, coloque o bebê na cadeirinha com o cinto e depois cubra-o com o casaco ou um cobertor. O cinto colocado no caso do bebê conforto deve ficar na altura ou abaixo do ombro.

Com relação ao ângulo da cadeirinha é importante seguir as orientações que vem no manual de instruções da cadeirinha do seu bebê. Já em relação ao clipe de peito, é importante ressaltar que este item vem apenas em algumas cadeirinhas. Se este for o caso da sua, o clip de peito deve ficar na altura das axilas do seu filho na linha dos mamilos e no centro do peito.

Veja uma foto de como é um clip de peito a seguir e depois confira um vídeo de como instalar corretamente a cadeirinha:

Vídeo: ONG CRIANÇA SEGURA Safe Kids Brazil

Veja mais

Deixe uma resposta

Comentários