Anvisa proíbe vendas de 2 marcas de papinhas pra bebê em todo país

Por: Bruna Romanini

Foto: Reprodução

As marcas Tangerinepetit e Papa no Prato tiveram a venda proibida por falta de registro adequado

Este mês de março de 2017 a Anvisa, Agência Nacional de Vigilância Sanitária, proibiu no Brasil inteiro a venda e fabricação de todos os lotes das papinhas de frutas, papinhas, comidinhas, caldo base e leite vegetal da marca Tangerinepetit. E também todos os produtos da fabricante de papinhas Papa no Prato.

De acordo com a Anvisa, no caso dos produtos da Tangerinepetit o fabricante das papinhas é a empresa Tangerine Cozinha Original – Eireli que não possui o registro das papinhas conforme exige a lei. Por isso foi exigido que os produtos fossem recolhidos.

Links Patrocinados

Já no caso da Papa no Prato a Anvisa afirma que o produto é comercializado online por um fabricante desconhecido que não possuía registro na Agência, o que levou a proibição de todos os lotes do produto.

A Anvisa salientou ainda que os alimentos de transição para lactentes e crianças de primeira infância são alimentos infantis de registro sanitário obrigatório.

Links Patrocinados

Veja mais

Comentários

Links Patrocinados