Karina Bacchi posta foto com seu bebê e gera polêmica entre mães

Por: Bruna Romanini

Foto: Reprodução Instagram

A atriz Karina Bacchi acabou gerando polêmica entre mães ao postar uma foto de Enrico de quatro meses comendo melancia

A atriz Karina Bacchi sempre compartilha fotos encantadoras com seu bebê Enrico. Porém, algumas imagens postadas pela mamãe famosa nesta quarta-feira (27) acabaram gerando polêmica entre as mamães.

Isto porque nas fotos Karina está dando um pedaço de melancia para Enrico experimentar. “Bom dia natureza! Enrico Bacchi provando e aprovando melancia!”, disse a mamãe ao postar a foto.

Links Patrocinados

A imagem gerou polêmica entre algumas mães porque Enrico tem apenas quatro meses e a orientação dos principais órgãos de saúde do Brasil e do mundo, como o Ministério da Saúde, Organização Pan-Americana da Saúde e Sociedade Brasileira de Pediatria, é introduzir qualquer outro alimento além do leite materno apenas após os seis meses de vida do bebê.

Diante da imagem uma mãe comentou: “Esse menino não tem só meses? Que pecado…o organismo dele ainda não está preparado para receber alimentos”. Já outra mãe ressaltou o papel de influenciadora digital de Karina e como a imagem postada poderia transmitir a informação errada para alguns internautas. “Por mais que o bebê tenha apenas provado, ela é uma influenciadora e as pessoas desinformadas podem ver isso e acabar alimentando seus filhos antes do que preconiza a Organização Mundial de Saúde. Lamentável”, disse a internauta.

Links Patrocinados

Já outros internautas partiram em defesa de Karina. “Gente que mimi chato, ela com certeza sabe o que é melhor para o bebê dela. Meu bebê também tem 4 meses, nasceu um dia antes do Enrico e o pediatra falou pra começar a introduzir frutas”, afirmou uma mãe.

Karina Bacchi não se manifestou sobre esta polêmica, mas explicou que Enrico mama no peito a cada três horas.

Veja as fotos postadas por Karina a seguir e entenda porque é importante esperar até os seis meses para introduzir alimentos para o bebê.

Importância de esperar até os seis meses

A introdução dos alimentos deve ser feita aos seis meses, pois a partir desta idade o volume de leite ingerido é insuficiente e não é possível suprir adequadamente as necessidades energéticas proteicas e micro nutrientes, sendo necessário o início da alimentação complementar.

Nesta fase o bebê também apresenta uma adequada maturação fisiológica da função gastrointestinal e renal. Isto é essencial para uma adequada digestão, absorção e metabolização dos alimentos além do leite materno.

Introduzir os alimentos antes dos seis meses aumenta o risco do bebê ter uma série de problemas de saúde. Vários estudos mostraram que a introdução precoce aumenta o risco de morbimortalidade infantil como consequência de uma menor ingestão dos fatores de proteção existentes do leite materno. Saiba mais sobre o assunto aqui.

Fonte consultada

Pediatra e nutróloga Virgínia Weefort, professora associada de pediatria da Universidade Federal do Triângulo Mineiro.

Sociedade Brasileira de Pediatria

Veja mais

Comentários

Links Patrocinados