Bruna Marquezine explica vídeo que fez aos 5 anos falando do suicídio do pai

Por: Bruna Romanini

Foto: Reprodução Youtube

O vídeo voltou a circular nas redes sociais e fez muita gente achar que o pai da atriz Bruna Marquezine de fato havia cometido suicídio

Grandes chances de ter chegado até você um vídeo emocionante da atriz Bruna Marquezine com apenas cinco anos de idade. O vídeo é uma campanha da Polícia Militar de São Paulo para a prevenção suicídio.

Porém, como no vídeo a pequena fala sobre questões muito pessoais e se apresenta como Bruna, além de já ser uma ótima atriz desde essa época, muitas pessoas acharam que o pai de Bruna Marquezine de fato havia cometido suicídio quando ela era criança.

Cadastre-se

Agora, Bruna explicou em conversa com a atriz Giovanna Ewbank que o vídeo era só uma propaganda e que seu pai NÃO cometeu suicídio. Ele está vivíssimo e muito bem! O vídeo foi o primeiro trabalho da jovem como atriz.

“Era um comercial para a Polícia Militar de São Paulo que falava sobre suicídio”, disse Bruna. E logo, Ewbank interrompe a atriz e diz: “Cara! Eu sei qual é esse vídeo! Mas começaram a falar que era um vídeo verdadeiro!”.

E então Bruna explicou: “Não!! Claro que não! Tá repreendido em nome de Jesus!”.

A atriz inclusive explicou que a mesma confusão aconteceu na época em que o vídeo foi divulgado.  “E na época rolou isso também, pessoas que não conheciam muito bem a família, meio que ligaram pra amigos pra saber se meu pai havia se suicidado”.

A atriz também contou que foi por causa deste vídeo que ela foi chamada para viver Salete em Mulheres Apaixonadas, sua primeira novela na Rede Globo. “Esse material foi parar na mão do Manuel Carlos e do Ricardo Waddington quando eles estavam escolhendo o elenco de Mulheres Apaixonadas. E eu já fui chamada direto para fazer a Salete. Eles queriam me conhecer para ver se eu queria fazer e eu óbvio falei que queria”, revelou Bruna.

Veja o vídeo a seguir:

Comentários





Veja mais