Thaís Fersoza passará por cirurgia após 2 gestações seguidas! Entenda:

Por: Bruna Romanini



thais fersoza cirurgia diastase

Foto: Reprodução Instagram – Thaís Fersoza fará uma cirurgia para corrigir sua diástase

A atriz Thaís Fersoza passará por uma cirurgia para corrigir a diástase abdominal, saiba mais

Em junho a atriz Thaís Fersoza passará por uma cirurgia. De acordo com o colunista Leo Dias, a informação da cirurgia foi confirmada pela assessoria de imprensa da atriz . Após duas gestações seguidas, a atriz passará por uma cirurgia para corrigir sua diástase abdominal.

A diástase abdominal no pós-parto é uma condição que afeta uma em cada quatro mulheres que engravidaram. Ela ocorre porque durante a gestação, os músculos do abdômen se esticam muito. Após se esticarem tanto, dois músculos que ficam de forma paralela e vertical no meio do abdômen podem acabar não conseguindo voltar totalmente e ficam mais separados um do outro.

Cadastre-se

Além de ter uma aparência que não agrada muitas mães, a diástase também pode levar a complicações como  enfraquecimento dos músculos do abdômen o que leva a dor na parte de baixo das costas tornando difícil levantar objetos e fazer outras atividades do dia a dia.

Em novembro de 2016, durante o pós-parto de Melinda, a atriz já havia relatado que estava com a diástase. Na época, ela inclusive realizou um método chamado hipopressivo, um tipo de exercício que tenta corrigir a diástase sem a necessidade de realizar cirurgia. Porém, pouco após falar sobre o assunto, ela engravidou novamente.

Ter mais de um filho, especialmente quando as gestações são próximas pode causar ou piorar a diástase. A diástase de Thaís provavelmente piorou com a segunda gravidez.

Nem sempre é possível corrigir o problema apenas com exercícios. E a cirurgia pode ser necessária, especialmente se a diástase estiver interferindo na rotina da mulher.

Fonte consultada:

Clínica Mayo

Foto: Reprodução Instagram – Thaís Fersoza realizando os exercícios hipopressivo e as imagens de duas outras mulheres fazendo o mesmo exercício. No final de 2016 ela fez este post para falar de seu tratamento não cirúrgico para a diástase.

Veja mais

Comentários





Veja mais