Bebê de 10 meses desaparece e revelação de sua mãe choca

Por: Bruna Romanini

Foto: Reprodução Arquivo Pessoal – Entenda o caso deste bebê e veja o desabafo de sua mãe

O bebê foi sequestrado pelo então namorado da mãe e não resistiu, agora ela decidiu desabafar

Um bebê de apenas 10 meses desapareceu após ter sido sequestrado pelo então namorado de sua mãe. O caso aconteceu em março de 2013 em Broome na Austrália. A mãe Tamica Mullaley foi brutalmente agredida por seu namorado Mervyn Bell.

Após isso, ele sequestrou o filho de Tamica, o pequeno Charlie de apenas 10 meses. O menino foi morto por Mervyn.

Antes disso, Mervyn ainda abusou sexualmente do menino e o torturou. O caso chocou o país e Mervyn foi preso. Ele cometeu suicídio na prisão um ano depois.

Agora, Tamica decidiu desabafar e fez uma revelação sobre o caso. Ela também entrou na justiça contra a polícia. De acordo com ela e com seu pai Ted Mullaley, em relato ao jornal The West Australian os policiais demoraram horas para iniciarem as buscas pelo menino.

E esta demora ocorreu mesmo após Tamica ter sido hospitalizada devido às agressões do namorado e a polícia ter sido informada que o pequeno Charlie muito provavelmente havia sido sequestrado por Mervyn. “Nós ainda não temos respostas sobre o caso do Charlie. O Mervyn matou o Charlie, mas se a polícia tivesse agido antes poderiam ter salvo sua vida”, disse o avô do pequeno em entrevista ao The West Australian.

A família agora está processando a polícia local por má conduta no caso de Charlie. “Nós estamos fazendo isso porque queremos justiça e a polícia tem que se responsabilizar por este erro. Eu e meu pai não estamos bem desde que tudo isso aconteceu. Nossa saúde mental está terrível”, concluiu a mãe em entrevista ao jornal Sydney Morning Herald.

Foto: Reprodução Polícia da Austrália – O namorado que tirou a vida do bebê Charlie

Foto: Reprodução Polícia da Austrália – A mãe Tamica Mullaley irá entrar na justiça

Comentários



Veja mais